Energia do Linux Solar e e Questões de Gênero

Energia do Linux Solar e e Questões de Gênero

Mulheres montam o Aquecedor Solar de Baixo Custo (ASBC) em São Bernardo

Energia alternativa gera renda e economia para as mulheres

Dia 11 de junho, a parceria da Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo
com a sociedade civil inaugura* *uma proposta de ação inovadora que une
defesa do meio ambiente, abertura de novo campo de trabalho para as mulheres
e a economia de energia e de recursos financeiros das famílias.

A defesa do meio ambiente se dá pela produção de Aquecedores Solares a Baixo
Custo (ASBC) que trabalha associado aos chuveiros e, assim, reduz o consumo
de energia elétrica e colabora para a eficiência energética do sistema
gerador brasileiro.

O novo campo de trabalho que se abre é por meio da capacitação de mulheres
para produzirem e instalarem os aquecedores que deverão revolucionar a
concepção da energia nas moradias, inserindo a população do município numa
nova cultura de preservação do meio ambiente e da água do planeta.

O aquecedor solar de baixo custo, o ASBC, é 100% brasileiro e suas patentes
estão liberadas desde sua consolidação. Desse modo, sendo uma tecnologia com
código aberto, o ASBC se constitui como um “Linux” Solar. Seus componentes e
peças são produzidos a partir de plásticos disponíveis no mercado da
construção civil. O ASBC é uma tecnologia social que permite a efetivação do
direito à energia solar e limpa com educação ambiental, eficiência
energética e baixo custo.

A proposta de trabalho do dia será construir um ASBC no Centro de Formação
Profissional “Padre Leo Comissari” para experimento e qualificação inicial
das pessoas presentes e para a demonstração da viabilidade da tecnologia e
da facilidade na construção e utilização.

A atividade solar conta com o apoio da Prefeitura de SBC, por meio da
Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania  – SEDESC/Gerência de
Políticas para Mulheres e Questões de Gênero  e da Secretaria de Educação –
SE/Seção de Educação de Jovens  e Adultos, da Associação Sociedade do Sol,
criadora do ASBC, em parceria com  Coopersol, cooperativa sediada na Zona
Leste de São Paulo, e do Centro de Formação Profissional “Padre Leo
Commissari”.

A perspectiva é que, num futuro próximo, este trabalho seja  viabilizado na
cidade de São Bernardo do Campo e Região Metropolitana  de São Paulo pela
articulação de diversos setores públicos e privados.

Serviço:
Data da instalação: Dia 11 de junho de 2011, sábado, das 09 as 16:00 hs, com
a presença das participantes do curso de construção civil do Programa
“Mulheres Construindo Autonomia em São Bernardo do Campo”,  organizado pela
Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania/ Gerência de Políticas para
Mulheres e Questões de Gênero, do Departamento de Políticas Afirmativas.

Onde: Centro de Formação Profissional “Padre Leo Commissari”.

Rua Padre Leo Commissari, nº 288.Jardim Silvina – São Bernardo do Campo –
São Paulo – SP.
Tel. (11) 4127-0866  /  (11) 4334-1142. Email. padreleo@padreleo.org.br

Mais informações com:
Gustavo Cherubine: (11) 4336-7757
Arlete Bento: (11)4126-3764

Deixe um comentário

Arquivado em feminismo, ofensiva contra o machismo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s